quinta-feira, 7 de março de 2019

Ceará registra redução de 44,1% nas mortes violentas durante o Carnaval de 2019

Durante o feriado de Carnaval 2019, a Secretaria da Segurança Pública e Defesa Social (SSPDS) registrou uma redução de 44,1% nos Crimes Violentos Letais e Intencionais (CVLIs). O número foi de 33 mortes no feriado deste ano, enquanto aconteceram 59 casos durante o período carnavalesco de2018. 

O balanço positivo também foi acompanhado pela diminuição de 14,5% nos Crimes Violentos Contra o Patrimônio (CVP). No total, foram empregados em torno de 6,4 mil profissionais de segurança no plano operacional montado pela pasta.As informações são divulgadas em coletiva de imprensa na sede da SSPDS, em Fortaleza.

Já na Lei de Importunação Sexual, que teve ampla divulgação em uma campanha promovida pelo Governo do Estado do Ceará e pela SSPDS com suas vinculadas, foram registrados dois casos no Ceará, sendo um na cidade de Caucaia e outro em Aquiraz. O Carnaval deste ano foi o primeiro após a sanção da Lei Federal de nº 13.718/2018, que combate, entre outras condutas, ações como roubar beijos ou passar a mão no corpo alheio, sem permissão.

Ciopaer
Outro número positivo foram a quantidade de atendimentos realizados pela Coordenadoria Integrada de Operações Aéreas (Ciopaer). No total, foram 31 atendimentos. Isso é mais do que o dobro de ocorrências atendidas pelas aeronaves da Coordenadoria no ano passado, quando aconteceram 14 deslocamentos. Consequentemente, as horas voadas também aumentaram. Foram 59, neste ano, contra 22 horas no período carnavalesco de 2018.

Todas as bases da Ciopaer no Ceará atuaram nas ações (Fortaleza, Quixadá, Sobral e Juazeiro do Norte).Os atendimentos se resumiram em patrulhamento, remoção aeromédicas inter-hospitalar, apoio à operação policial e busca a pessoas e embarcações no mar.

Patrulhamento nas rodovias estaduais
Nas estradas estaduais, foram mobilizados 573 policiais militares lotados no Batalhão de Polícia de Trânsito Urbano e Rodoviário Estadual (BPRE), que atuaram em parceria com o Departamento Estadual de Trânsito do Ceará (Detran-CE) e seus 180 agentes. Foram abordados 15.120 veículos em todas as CEs. Isso corresponde ao aumento de quase 14% se comparado ao Carnaval de 2018, quando foram 13.285 abordagens. As apreensões de carros, motos e ciclo, também aumentaram quase 45% neste ano. O número que foi de 156, em 2018, aumento para 226.Já o número de feridos em sinistros reduziu de 15 para 10 vítimas.

Por último, os acidentes aumentaram para 49 casos. Em 2018, foram 35 sinistros. O número de vítimas fatais também aumentou, passando de quatro casos, no ano passado, para oito.

Com informações: SSPDS
Comentários
0 Comentários

Nenhum comentário:

Postar um comentário